segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Blue

A tristeza, como todos os sentimentos humanos, compõem parte de nossas vidas, está sempre presente entre nós, algumas vezes com maior ou menor intensidade. Na verdade nunca nos acostumamos e nunca nos acostumaremos, é uma condição humana. Sobreviveremos, renovaremos sempre, mas a sombra da tristeza sempre vai está presente. Cremos quando sentimos uma grande dor, uma perda, que ali é o fim da vida, mas não o é. O tempo como o vento molda dunas, apaga os rastos e aos poucos faz-nos seguir em frente. Nunca estaremos completos plenos, nutrimos sempre uma saudade por quem parte, sim essa doce sensação de ter vivido, compartilhado, nos faz muitas vezes perceber quão efêmera é a vida, faz-nos abrir os olhos para o viver, mesmo na ausência, pois está na nossas mentes presente o sentimento de ausência. As pessoas partem, as coisas não dão certo, de certa forma temos a liberdade de escolha, mas decidir por algo significa renunciar algo, isso gera angústia e isso gera tristeza, nunca estaremos plenos, ou então busquemos apagar de nossas mentes todas as lembranças. A tristeza está presente na nossas mentes, está presente em nosso ser, só o tempo pode amenizar, mas sempre há uma angústia em viver por saber que somos mortais, por isso realizamos algo, por isso vivemos mesmo na tristeza.

Nenhum comentário:

Postar um comentário