quarta-feira, 5 de outubro de 2011

É tarde

A tarde chegou, embora infantil,
a tarde esta ai. O sol ainda arde,
o sabiá canta lá fora e seus filhotes
corrochiam, contente com o
pouco de comida trazida.
É tarde, no jardim as ervas
mucham suas folhas para
se proteger.
É tarde, é tarde.

Nenhum comentário:

Postar um comentário