segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

Exemplos humanos

Borges meu querido Borges,
Jorge Luis Borges,
Sua vida, sua obra,
Contos, poemas, ensaios...
Tanta coisa o caracteriza,
Sua vida foi uma obra,
Sua vida uma batalha,
Enfrentou a cegueira com energia
E profunda sabedoria,
E sua vida continuou,
Foi ali, no escuro de seu corpo
Que o brilho veio a sua vida,
Sofreu, sofreu com o amor,
Com a dor da perda...
E no final da vida um câncer enfrentou,
Um câncer o consumiu,
Consumiu seu figado,
Consumiu sua vida,
Seus pensamentos, Sua obra,
Seu exemplo...
Encantam-me a força e a disposição com a qual enfrentou a vida.
Ao ler sua biografia,
Ao ler sua obra,
Tenho a sensação da universalidade humana,
Embora possa ser um ser de extrema brutalidade,
É capaz de universalizar-se em sua obra...
Que o diga aqueles que me fizeram enxergar além dos meus sentidos,
Gogh que ampliou minha maneira de perceber as cores,
Mozart ampliou minha maneira de ouvir a música,
Sócrates que me ensinou a questionar,
Nietzsche a me ater aos pequenos aforismos...
Borges me alegrou ao tentar escrever,
E tantas outras coisas me fizeram avistar a razão...
Kant com sua BOA Vontade,
Gilsão com suas leituras reflexivas e simples...
Aprendo tanto com a vida,
E com pessoas vivas e com pessoas imortalizadas por sua obra,
Francisco de Assis e sua obra,
Padre Antônio Vieira e seus Sermões,
Cristo e sua eterna coragem...
Tolstoi e Gandhi me ensinaram a força da não violência...
Só a maturidade e a experiência, a idade da razão Spinisiana
Nos faz entender a importância da tristeza e da felicidade.
E assim vou seguindo minha passagem pela terra,
Com amor no coração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário