sexta-feira, 28 de junho de 2013

Passagem

A chuva partiu,
por este ano não volta mais.
É mais um ano em minha vida,
é mais um ano que vejo
as águas secarem,
os animais se esconderem
nas sobras da noite
ou no refúgio de uma loca.
As árvores amarelam
e perdem suas folhas,
as jitiranas e as chananas
estão florindo, parece
adorar o sol escaldante
que tudo espanta do sertão,
os avoetes voam, vão embora
sabe lá para onde.
Aqui, posso ver o espetáculo
da natureza se resguardar
o cumaru florido
perfumando árida paisagem
que está surgindo.
Meu corpo
e minha alma
já perceberam a natureza
se expressar,
agora uma nova
estação virá,
é o verão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário