domingo, 19 de julho de 2009

Memórias

Quanto tempo nem me lembro, restam memórias frias.
Lembro que era sempre a tarde,
lembro da simplicidade, da minha vida, apesa disso
viviamos feliz,
em paz,
onde pouco me fazia feliz.
Muito pouco mesmo,
no aconchego do lar simples,
onde tudo que era necessário pra sobreviver me foi dado e não me faltou
o mais importante muito amor,
dedicação.
nada podia ser diferente,
da maneira como foi, acho que foi providencial,
tudo que precisei pra crescer estava dentro de mim,
o essencial está dentro de nós.
pois acho que somos como sementes
só precisamos de um pequeno estímulo para fazemos o impossível.
A vida é uma história, a nossa história, então
seja protagonista da sua.
Memórias, de uma música me remetem a tantos momentos bons.
nessa longa história que é minha vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário