quarta-feira, 24 de abril de 2013

Carneirinhos da tarde

Hoje à tarde estava linda.
No céu cheio de carneirinhos de nuvens
que embelezavam como o fazem nos campos
verdes tingindo-lhes de branco o céu verde.

Hoje à tarde o céu ganhou a beleza dos carneirinhos.
E os aviões que cruzavam o céu
se perdiam entre os carneirinhos.

A lua majestosa nasceu atrás de um grande rebanho,
e foi alumiando, alumiando o rebanho,
até eles desaparecem no meio da noite.

E o céu plenilúneo
e a lua radiante parecia sorrir,
parecia derramar sua luz
nas águas do lago.
E ao ser derramada a luz da lua
flamejava entre as ondinhas do lago.
Arrebatando qualquer transeunte,
A lua se entregando a noite,
após a entrega do sol...
E os carneirinhos foram dormir
e a lua ficou a iluminar a noite.

Nenhum comentário:

Postar um comentário