domingo, 25 de março de 2012

Janela aberta

Uma janela aberta mostra o mundo além das paredes do quarto. O mundo é tão vasto além das nossas janelas e das nossas visões. Pela janela vemos as nuvens de algodão que são levadas pelo vento no céu mundo a fora. Muitas vezes faço questão de ver nas nuvens formas de animais e de seres imaginários. Adoro ver o céu azul ou mesmo o céu coberto de nuvens que chovem molhando as ervas e as árvores. E quando me sinto entediado das minhas coisas do meu quarto ou das palavras dos meus livros que me revelam mundos que quem sabe nunca verei vou a janela pra ver o mundo e não pensar em nada. Vou até a janela olhar para o mundo que me é revelado. E fico na janela só  observando sem tentar pensar em nada percebendo o mundo que me é revelado das mais diversas maneiras, através das formas, cores, odores dentre muitas outras. As janelas ligam dois mundos. O mundo subjetivo que buscamos organizá-lo e o mundo além de nossos seres que precisamos explorar. O importante é tentar ver o mundo de maneira diferente todos os dias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário