terça-feira, 16 de agosto de 2011

Descoberta

Descubro todos os dias a beleza de viver no perfume de uma flor, nas diversas cores do céu, na generosidade das chuvas para com os jardins, no gesto do simples bom dia, boa tarde ou boa noite, na timidez da luz da lua.
E quando caminho e exploro o mundo ao meu redor com minha visão, minha audição, meu olfato descubro
quão grande pode ser o meu mundo quando estou atento as simples coisas. Há dias em que me sinto mais sensível a essas descobertas e outros dias menos sensível a generosidade da natureza. São nos dias que sou mais egoísta que me afasto do que pode me oferecer as pequenas coisas. Estou aprendendo a viver, sei quanto não é fácil, pois são tantas sensações, mesmo assim vou caminhando com o tempo, vou descobrindo que o tempo e o mundo deixam marcas em minha mente e em meu corpo e vai domando meus sonhos, e muitas vezes afiando meus desejos, preciso ser mais forte e rejeitar a tanta coisa ruim que me persegue, como sentimento de fraqueza e de medo. Quem sabe assim não me sinta mais feliz todos os dias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário