segunda-feira, 5 de abril de 2010

verde montanha

Verdes montanhas,
com vaquinhas e cavalos brancas, pretas e vermelhos,
suas arbores de flores amarelas e roxas,
verdes montanhas
teus sons de riachos e de cantos de pássaros,
verdes montanhas de nuvens soltas,
desfazendo-se a cor em chuva,
que brando a hegemonia do son dos riachos,
o tempo aqui quase parou,
o mundo fora de mim
não existe.
vi e aprendi as belezas da montanha, do povo,
do todo, do nada...

Nenhum comentário:

Postar um comentário