domingo, 1 de maio de 2016

Germinar

A casa vazia,
O barulho de qualquer música,
Livros de poesia, prosa, de botânica...
Objetos, ímas, uma geladeira,
Um sofá, uma cama,
Ir e vir,
Segurança, insegurança,
Aqui é o meu lugar.
Será?
Sei lá, as vezes
acho que sou como a lua,
Um satélite a orbitar,
Mas o que me diz,
O que me faz ser de algum lugar,
Conhecer,
Conviver?
Sei lá.
Tanta coisa sem sentido na vida.
Perguntas vazias...
Talvez por ser uma vida fria,
Cadavérica,
Talvez não, talvez sejas semente,
A qualquer momento pode germinar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário