sexta-feira, 13 de novembro de 2015

Sem direção

As vezes perdemos o mais precioso a razão,
Tentamos nos resguardar no futuro ou no passado,
Mas onde fica o presente?
Nossos anseios, nossos desejos, nossos medos...
Perde-se a razão por se viver na imaginação.
Mas é preciso despertar do sonho que é a paixão,
É preciso se curar.
É preciso encontrar uma direção.

Nenhum comentário:

Postar um comentário