quinta-feira, 9 de julho de 2015

Doce lembrança

Cai a noite,
Esta noite,
Noite impar,
De silêncio
E sussego...
O amanhã é uma incógnita,
mas agora,
Só faltava o canto do cocá,
Noite escura e estrelada,
Quantas imagens de minha infância
Refletem em minha vida,

O canto do guiné sobre o cajueiro da casa velha,
A lua prateada,
A areia fria,
A brisa silenciosa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário