sábado, 15 de fevereiro de 2014

Generosidade

Na noite escura,
O céu é o firmamento das estrelas,
Da lua.
O céu é tão grande e magnífico que não cabe no meu olhar.
Meu olhar se perde 
Entre tantas estrelas belas,
Na profundidade escura da noite.
E a brisa que sinto que me afaga
Que faz as folhas das árvores cantarem para mim.
O universo é tão perfeito e generoso
Que compartilha comigo este momento de existência.

Nenhum comentário:

Postar um comentário