quinta-feira, 27 de junho de 2013

Fria noite de lua


A  noite fria
a lua minguante,
águas do lago ondulante,
o verde das plantas apagado,
tudo que vemos são sombras,
tudo que sentimos
é o frio.
A noite tudo soa vazio,
a noite até a natureza descansa,
o frio das construções,
o frio seco do cerrado,
a lua sem povoado,
só uma metrópole fazia,
mendigos dormindo no frio,
mulheres seminua vendendo
sua honra,
gente dormindo,
grilos cantando,
e a lua no fim da manhã
some à luz do sol.

Nenhum comentário:

Postar um comentário