sábado, 4 de fevereiro de 2012

Além do meu jardim

Enquanto meu jardim está viridescente e o sol brilha intensamente. A Europa está branca coberta de neve. O nordeste brasileiro está seco feito pó. No oriente pessoas se matam com seus atentados loucos, coisa que nunca entenderei. A Somália está mais uma vez sendo assolada pela fome.
Enquanto meu jardim tem uma sombra onde sanhaçus comem banana. Nas feiras de São Paulo feirantes gritam   palavras de duplo sentido e as pessoas pra lá e pra cá escolhem as frutas pela beleza ou pelo valor.
Enquanto o meu jardim verdeja. Os carros com som auto incomodam as pessoas ou nem isso mais acontece.
Acho que estou ficando velho de mais para o mundo, não suporto o mundo além do meu jardim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário