quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Calma


A nossa vida é um eterno descobrir. Somos curiosos e adoramos conhecer o novo, o diferente, coisas que melhorem nosso modo de viver. As vezes é necessário fazer uma viagem, encontrar uma grande paixão e vive-la, ter algo que nos faça sentir melhor e nos ensine novos caminhos e novas descobertas.
Todavia essas aprendizagens nos custam caro, custam movimento, energia, autocontrole e muitas vezes paciência e escolhas. Temos que escolher o que é melhor para nós o que não é uma tarefá fácil. Muitas vezes a escolha é um golpe de sorte, uma aposta em que não sabemos se vai dar certo ou errado. Eis que ai se esconde os nossos maiores receios. O medo de fracassar muitas vezes nos torna estáticos. Então nos angustiamos, nos fechamos e vivemos tristes. Nos tornamos assim através da pressão do mundo e da vida. Muitas vezes somos nós quem cobramos mais de nos mesmos. Não tenho uma receita para o sucesso, porque sou assim também inseguro, no entanto tenho sede de aprender, muitas vezes quando acho que não vai dar, fecho os olhos e peço a Deus ou o seja lá no que acredito. Sempre é muito importante a voz dos amigos quando se está distante e dos familiares e por fim a crença na vitória. É preciso calma, a vida é uma luta incessante que só acaba na hora da morte. Portanto é preciso ter a alma serena para viver bem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário