segunda-feira, 18 de julho de 2011

Brasil

Quando chega a hora da noite
e não vejo a tarde,
não vejo o crepúsculo,
não vejo as estrelas,
vejo tudo claro como o dia
que coisa mais esquisita.
Sinto falta do Brasil,
das nossas estações,
por mais breve que
seja essa viagem,
por mais bairrista
que seja e não sabia
que era, sinto falta
do Brasil,
das coisas do nosso pais,
onde sou muito feliz...

Nenhum comentário:

Postar um comentário