terça-feira, 3 de maio de 2011

Saudades

Agora pronto!
Acho que vivo sentindo saudades.
Acho que por ter noção que o tempo é curto e único.
Sinto saudades dos momentos passados, dos risos cúmplices.
Saudades da flor que se fechou, do som do riacho,
das águas e frio do inverno.
Da história do livro que acabo de ler.
Sinto saudades dos amigos que foram para longe,
saudades da minha inocência.
Agora sem pranto!
Acho que saudades me faz bem, pois ela me ensina
a valorizar a vida.
Vivo com saudades das boas coisas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário