sexta-feira, 20 de maio de 2011

Manuel de Barros

Barros,
Querido Manuel,
Tu que contas a gratuidade dos pássaros e dos lírios.
Que gênio, mais meigo e doce tu sedes.
Barros tu sedes tímido e sábio como uma coruja,
quando leio, ouço suas poesias,
Barros,
Querido Manuel,
Tu sabes mesmo fazer encantamento!

http://www.luisnassif.com/profiles/blogs/gratuidade-das-aves-e-dos

Nenhum comentário:

Postar um comentário