segunda-feira, 7 de março de 2011

Carnaval

O que se pode esperar de um carnaval? Diversão, folia, pula-pula, bebedeira, sexo e drogas, mas todo mundo gosta disso? Não nem todo mundo é adepto da euforia do carnaval, algumas pessoas usam apenas o feriado para viajar, relaxar e descansar. Nunca fui uma pessoa que gostasse de carnaval, bem na infância ficava apavorado com medo dos pagangus pessoas que se mascaravam e saiam para amedrontar e bater nas pessoas, os pagangus eram muito comuns na cidade vizinha da minha cidade, nunca fui adepto e durante este período lembro feliz que fazíamos mascaras com meus amigos pra sair pelas ruas, nada de assustador só mágico para nos crianças. Mais tarde quando me tornei adolescente passei a ignorar completamente os movimentos, certo carnaval, eu e meus amigos juntos fizemos um carnaval no mato ou melhor saímos para acampar, aquele foi um dos melhores carnavais que vivi. Quando vaio a adolescência então entrei para a igreja e fui participar de um grupo de jovem o "Me chamaste" a partir de então meus carnavais eram todos religiosos, sempre tinha retiro espiritual, eu adorava ficar louvando ao senhor, mas quando passei no vestibular e fui embora de minha cidade, quando comecei a cursar Biologia deixei de ir aos retiros, certa vez quando voltei para casa e então fui para o primeiro carnaval profano em Alexandria, foi então que tomei cervejas, não usei outro tipo de droga além do álcool, mas aquele não foi um bom carnaval, e em seguida ainda fui umas três ou quatro vezes, mas sem magia. Depois que vim para o sudeste o carnaval para mim não significa mais nada. É uma festa distante onde posso parar um pouco minhas atividades, está com meus irmãos, descansar. Carnaval uma festa que para mim nunca existiu ou me animou. Todavia há gente que não vive sem, e assim são as pessoas todas diferentes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário