domingo, 30 de janeiro de 2011

Manhã de verão

A manhã caiu umida e clara,
aves cantando, uma leve brisa
soprava suavemente
trazendo o cheiro do
mas árvores molhadas,
onde das folhas gotas
da chuva passada escoriam,
sai a passear de bicicleta,
brisa na face, o cheiro da vida,
seguindo pelas ruas,
vendo as plantas na fazenda,
parei para andar sobre
a grama molhada,
tirei a sandália
pra sentir a textura molhada,
sentir o chão,
senti a vida molhada,
e quando cheguei a um chão
com seixos de areia,
caminhei descalço,
sentia a textura
do contato dos meus pés
com os seixos,
respirei fundo e vivi o momento,
senti a vida umida,
a manhã perfeita,
uma linda manhã de domingo,
nua manhã de verão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário