terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Cronos

Não há tempo
pra pensar,
não há tempo
pra amar,
não há tempo,
pra viver.
Só há tempo
pra envelhecer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário