quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Rotina

Acordei, mecanicamente quando o celular despertou exatamente as cinco horas e quarenta minutos. Fui a cozinha e comi uma banana e um pedaço de mamão. Fui ao banheiro e Escovei os dentes. Pus uma blusa, peguei minhas coisas, minha bicicleta. Tive uma grande alegria quando liguei o rádio no exato momento que Heródoto anunciava que os ministros do STJ tinha impugnado a campanha de Jader Barbalho. Quando ouvir aquilo sai sorrindo por dentro e por fora rindo, muito feliz pensando esse país ainda tem jeito. Um político que para não ser cassado renunciou ao mandato. Mesmo depois destes fatos ainda foi eleito por dois mandatos. Agora está fora do jogo, imagina um político que desviou dinheiro do Sudam. Teve o que merecia muito tarde. De resto fui pra universidade. Quando cheguei lá li o que queria ler e depois fui para o herbário separa as plantas que tinha que descrever. Terminei já era mais de quatro horas. Então vim pra casa. O sol brilhava forte ainda. Cheguei em casa tomei água, troquei de roupas e fui pedalar. Exatamente quando passava em frente ao convento o sinos dobravam indicando que eram seis horas. Então na praça dos cocos fiz minha atividade física e vim pra casa. Jantei tomei banho. Fiquei lendo até as 10h. Agora estou aqui vendo o que fiz no dia. Recapitulando. Estou cansado e com sono. As vezes queria uma outra rotina, sou muito apegado a rotinas, mas abuso delas. Queria fazer algo diferente. A vida é boa, mas as vezes fica muito morgada.
Boa noite

Nenhum comentário:

Postar um comentário