segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Momentos de alegria

São 11:20 e o padre já vem aponando para o relógio dizendo que é hora do almoço e então convoco a todos para irmos almoçar. Um a um Morango, Rose, Rodrigo, Tanga e eu . Saco meu Ra e saio arrastando a galera do laborário.
Então saimos em procissão para o RU e a cada instante sai uma tirada, ou carinhosamente chamamos de sujeira. Rimos muito!!! se encontramos alguém dai cumprimentamos, algumas vezes o padre se engancha conversando com os antigos colegas de graduação. Por fim chegamos ao RU, quase sempre o padre carrega o RA, outras vezes a Morango outras o Tanga(joão). Antes de vero o cardápio o Tanga deseja, hum bem que poderia ter GELATINA. Então chegamos na linha e já é previsto o padre pedreiro pedir uma concha dupla de feijão, no geral as meninas comem pouco. A Rose e eu só comemos, mas o João, o Padre conversam mais que comem. Rodrigo come lentamente, quase nunca deixa a bandeja vazia. Morango finge comer, acho que ela prefere uma caneca de chá, pois quase sempre enche ao sair do RU, e sempre deixa a do santo que derrama próximo a Genômica. Rose sempre toma seu cafezinho, já o João toma um cafezão. Padre também e eu só espero a sorrir, a falar, a observar.
Então tudo acaba ao digitar a senha do portão. Silêncio.
Acaba a alegia.
Barriga cheia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário