quarta-feira, 7 de outubro de 2009

com amor

Quão calma água do lago,
quão sereno o orvalho da manhã,
quão doce o sabor do mel,
quão agradável o perfume da rosa,

assim é o teu beijo,
assim tens o meu desejo,
tão intensamente me vejo,
louco por um só momento,
e solver de teu ser,
um pouco de armonia,
pois me encher de satisfação,
quando te vejo, meu ser de tanta aspiração,
se enche de alegria,

e tu minha musa de poesia,

és meu retrato da magia,

minha vida, minha alegria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário